Twitter Facebook

CUT GO > LISTAR NOTÍCIAS > DESTAQUES > CÂMARA FEDERAL FAZ AUDIÊNCIA PÚBLICA SOBRE VIOLAÇÕES DE DIREITOS EM GOIÁS

Câmara Federal faz audiência pública sobre violações de direitos em Goiás

04/12/2017

Evento acontecerá nesta quarta (6), em Brasília

Escrito por: Maisa Lima, assessora de Comunicação da CUT Goiás

A Semana de Direitos Humanos em Goiás 2017 prossegue nesta quarta-feira (6), em Brasília (DF), mais precisamente na Câmara dos Deputados, onde acontece uma audiência pública onde serão apresentadas as violações de direitos humanos no Estado. O evento, articulado pelas Comissões de Direitos Humanos do Senado e da Câmara Federais e pelo Conselho Nacional de Direitos Humanos, acontecerá às 14 horas.
 
O Comitê Goiano de Direitos Humanos Dom Tomás Balduino - formado por cerca de 70 entidades dos movimentos sociais da cidade e do campo, universidades, sindicatos, coletivos, associações e comissões - deve enviar uma comitiva, que sairá de Goiânia às 9 horas, do Centro Cultural Caravideo (Setor Sul). O retorno será no mesmo dia, após o encerramento da audiência pública. 
 
Entre as principais violações de direitos humanos estão a violência e a discriminação contra a população em situação de rua; ameaças à integridade do Território Kalunga; extermínio da juventude pobre e negra; desapropriação urbana de famílias de quatro bairros próximos ao Jardim Botânico; criminalização de militantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) e da luta contra as Organizações Sociais (OSs) na educação e militarização de escolas públicas; violência e discriminação contra LGBTs e mulheres; impactos da mineração em Goiás, apenas para citar alguns.
 
São Paulo
Enquanto isso, o relatório Direitos Humanos no Brasil chega à sua 18ª edição, que será lançada nesta terça-feira (5), às 18 horas, no Sesc Bom Retiro, em São Paulo (SP). São 33 artigos de autores que aprofundam análises e apresentam dados sobre diferentes áreas de atuação relacionadas aos direitos humanos. Um deles é assinado por Cláudia Nunes, do Comitê Goiano de Direitos Humanos Dom Tomás Balduino.
 
O ano de 2017 foi o ano em que os objetivos daqueles que manipularam o impeachment de Dilma Rousseff se tornaram mais reais. Se não em absoluto, parcialmente. No campo ou na cidade, os impactos da conjuntura são abordados no relatório que busca não somente apresentar as violações, mas estimular saídas.
 
Na cerimônia serão homenageados, por sua trajetória de luta na defesa dos direitos humanos e por representarem símbolos de resistência, pessoas como Ivone Gebara, escritora, filósofa e teóloga feminista; Juliana Cardoso, vereadora de São Paulo que enfrenta a luta pelos direitos das mulheres, das crianças e adolescentes e por moradia; e a homenagem póstuma ao Frei Henri Burin des Roziers, padre dominicano francês que marcou sua trajetória no Brasil advogando pela Comissão Pastoral da Terra (CPT) pelos direitos dos trabalhadores e trabalhadoras Sem Terra, especialmente na região do Pará. Frei Henri faleceu no dia 26 de novembro, aos 87 anos, em Paris, França.
 
Confira a programação completa:
 
05/12
9h - Praça do Bandeirante
Greve Geral - Ato Público contra a Reforma da Previdência.
 
06/12
14h - Auditório da Câmara dos Deputados - Brasília.
Audiência Pública - Apresentação das Violações de Direitos Humanos em Goiás.
Organização: Comissões de Direitos Humanos do Senado Federal e Câmara Federal; Conselho Nacional de Direitos Humanos.
 
07/12
19h - Câmara Municipal da Cidade de Goiás.
Chá com Direitos – Tema: Direitos Humanos no Brasil Atual
Palestrante: Mauro Rubem (Presidente da CUT - GO e membro do Comitê DH Dom Tomás Balduino)
Coordenação: Aderson Liberato Gouveia (Comissão de Direitos Humanos e Cidadania da Câmara Municipal de Goiás).
 
08/12
9h às 11h - Praça Bandeirante
Ato Público – Nenhum Direito Humano a Menos em Goiás e no Brasil
 
09/12
8h - Rádio Universitária 870 AM
 
Debate no Programa Voz da Mulher sobre Direitos Humanos e Religiões: Gênero, Raça e Intolerância Religiosa
Debatores: Priscila Martins (Feminista do Coletivo Rosa Parks - UFG); Allan Hahnemann (Alabè Ilê Fará Imorá Odé, Prof. da UFG e Advogado, membro do Comitê DH Dom Tomás Balduino); Muria Carrijo Viana (Educadora Popular do
CEBI e Pós Graduanda em Assessoria Bíblica)
Realização: Associação Mulheres na Comunicação
 
14h - Acampamento Leonir Orback do MST (Santa Helena de Goiás)
Roda de Conversa: Criminalização dos Movimentos Sociais
Facilitador: Prof. Diego Diehl
Organização: Núcleo de Direitos Humanos de Rio Verde e Região
 
16h - Sindicato de Trabalhadores Rurais de Mineiros.
Roda de Conversa: Declaração Universal dos Direitos Humanos e Desafios Atuais
Facilitadores: Dom Josias, Marta Brandão e José Antonio.
Organização: Núcleo de Direitos Humanos Marlene Furtado de Mineiros e
Região
 
14/12
9h - Auditório Costa Lima da Assembleia Legislativa de Goiás
Agenda de Incidência em Goiás – Entrega do Relatório de Violações de Direitos Humanos às autoridades de Goiás: Governador de Goiás;
Secretário de Segurança Pública; Secretária Estadual da Mulher do Desenvolvimento Social, da Igualdade Racial, dos Direitos Humanos e do Trabalho; Prefeito de Goiânia; Secretário Municipal de Direitos Humanos e Políticas Afirmativas; Ministério Público; MP-CAO DH; Ministério Público Federal; Comissões de Direitos Humanos da Câmara Municipal de Goiânia e Assembleia Legislativa; Defensoria Pública Estadual. Coordenação da Mesa: Comitê Goiano de Direitos Humanos Dom Tomás Balduino.
 
 
Assessoria de Imprensa
Coletivo de Comunicação Semana DH 2017
Contatos:
Claudia Nunes - (62) 991514407
Maisa Lima - (62) 98592 4437
 
  • Imprimir
  • w"E-mail"
  • Compartilhe esta noticia
  • FaceBook
  • Twitter

Conteúdo Relacionado

Nome:
E-mail:
Título:

TV CUT
Tutorial: Saiba como participar da campanha pela anulação da Reforma Trabalhista
Tutorial: Saiba como participar da campanha pela anulação da Reforma Trabalhista

#AnulaReforma

RÁDIO CUT
Parceria CUT-GO e Banco do Brasil

CENTRAL ÚNICA DOS TRABALHADORES DE GOIÁS
Rua Setenta, 661 – Qd. 127, Lt. 71| Centro | CEP 74055-120 | Goiânia | GO
Fone: (55 62) 3224.0169 | www.cut-go.org.br | e-mail: cutgo1@gmail.com